terça-feira, 1 de agosto de 2017

As autárquicas dos perfis falsos

O Homem é um ser eminentemente comunicativo. Precisa da comunicação como pão para a boca e água para o corpo. Não fosse isso e isto seria uma selvajaria ainda maior, mas quando há a necessidade do recurso a perfis falsos, principalmente dos agentes defensores da democracia e em pleno século XXI, é muito grave ou, pelo menos, muito triste e deprimente.
O que pensam os eleitores disto? Ou será que ainda continuamos tão a leste da política que já nem disso queremos saber?
A lei do ‘salve-se quem puder’ está lançada, não fosse a ânsia do poder para os que já lá estiveram e querem voltar ou o querer a todo o custo para os que mal puseram os pés nos momentos decisivos. Enfim, mais uma triste realidade do estado da política em Portugal.
Há quatro anos foi o momento áureo da discussão pública. O Blog Montelongo era o fórum de excelência. A pluralidade de opiniões era evidente. Depois tudo começou a esmorecer e os agentes políticos, que tentam agora chamar todos ao debate, foram os primeiros a fugir aos debates organizados bem no centro da cidade. Diziam que eram muito politizados… Mas há debate cívico sem envolver a política, a polis (cidade) ou os cidadãos? E se o painel de convidados tem gente de todos os partidos, qual o problema de comparecer e intervir? Muito fácil, os políticos não estão preparados para o confronto da população.
O resultado deste afastamento e o medo da confrontação está agora bem visível no recurso aos falsos perfis. Pobres coitados. Mas vamos assistir até às eleições ao discurso oposto, o discurso que mostra que em primeiro estão as pessoas, o povo e outra vez o povo, mas de preferência que não chateiem mais nos próximos quatro anos, ok?

Precisamos de uma nova geração de políticos ou o discurso continuará a ser o mesmo! Precisamos de gente com capacidade comunicativa e precisamos mais ainda de uma política positiva. Há já candidaturas com gente muito nova. Parece que estamos finalmente a lavar a cara à política! Haja paciência e um dia todos vencem!

Sem comentários:

Enviar um comentário